:: Primeira semana do curso de inglês em Dublin – SEDA

Ola viajantes, seguidores, amigos, novos amigos e leitores, bem vindos!

Acabou de terminar a primeira semana de aulas aqui em Dubin (as aulas vão até quinta) e aqui vão as minhas impressões, além de outras notícias.

Conforme falei nos últimos blogs, antes das aulas começarem nós fazemos um teste de nivelamento, para testar os conhecimentos e colocar na turma mais adequada.

O teste até que funciona. Eu fiquei bem colocado, quase topado, o que pegou foi a gramática, que realmente não é meu forte em inglês.

O curso funciona com duas professoras por dia: uma de gramática e outra de conversação, etc.

Então acabou que ficou meio assim: na minha turma os exercícios são, basicamente, ler, interpretar o texto, associar situações e procurar sinônimos de palavras.
Particularmente, e sem falsa modéstia, não me sinto desafiado nessa parte. Para mim é fácil.

Quando chega a parte da gramática, estou vendo algumas novidades, mas não tanto assim, porque….

…porque pegamos o curso em andamento.

Não foi aberta uma nova turma, tipo intensivo, como eu imaginava, mas sim entramos nas turmas que já estão no meio, no fim, etc. Nas regulares.

Aí gera um problema porque ela fala, por exemplo, como vimos na semana passada, o tempo verbal tal segue a regra tal… e eu fico voando.

A estrutura do curso também não é das melhores.
Agora o staff (equipe) tem boa vontade em resolver tudo. Aliás, o staff é, na sua maioria, de brasileiros, colorados.

Más é fato que os problemas estruturais existem. A minha sala, por exemplo, é muito fria. Temos que ficar de casaco. Colocaram aquecedor na sala, o que melhorou, mas mesmo assim, a estrutura poderia ser melhor.

Os professores são legais, em sua maioria. Tem boa vontade de ensinar e corrigir a pronúncia, que foi uma das coisas que vim melhorar aqui.

Uma das minhas professoras é do brasileira, do Piauí, amiga de Cassilda.

Apesar disso se recusa a falar em português, o que está certo.

A outra professora é local. Sua didática deixa um pouco a desejar, e a sua tolerância para atrasos não é das melhores.
Umas alunas ficaram de fora porque chegaram 5 min após o início da aula.
Pô, não atrapalha ninguém. Deixa entrar…

 Mas tudo bem, horário europeu. rsssss

Na SEDA temos computadores para usar e conexão sem fio, o que ajuda aqueles que vem ficar por mais de 2 semanas (a maioria).

Como falei (ou não) estudantes podem trabalhar aqui. Então muitos vem, se matriculam no curso de 1 ano, e tentam a sorte por aqui.
E não são somente brasileiros, embora sejam a maioria, mas na minha classe temos peruanos, argentinos e até uma mulçumana argeliana (mas essa não veio para trabalhar. Veio com o marido aprender inglês mesmo).

E nessa parte eu tiro o chapéu para a SEDA. Muitos amigos novos que fiz aqui em Dublin vão ficar por 1 ano e a equipe do SEDA, segundo eles, está dando um suporte super legal para tirar os documentos (visto de residência, permissão de trabalho, PPS, etc), porque eles não falam muito inglês.

Aliás, tem gente que chega aqui sem falar um Hello, my name is…
Sério mesmo.

E se você quiser continuar assim, consegue, viu>

Em Dublin, são três os idiomas oficiais: Irlandês, Inglês, e Português Brasil.
Tá achando que é brincadeira> É sério!!!!

Ontem mesmo fui a um restaurante, pedi mesa, etc, aí o cara: você é brasileiro também>
rssss

Tem muito brasileiro aqui.

======================================

Mudando de assunto…

Os dias aqui em Dublin estão começando a ficar dentro do “normal”.
Ainda me  impressiono com os prédios, os preços, as ruas, a falta de mendigos, de notícias sobre violência, etc. Mas quando termina a aula, as vezes, e somente as vezes, da vontade de voltar para o hotel para descansar. rsss

Deve ser o frio, que aqui não dá muita tregua. Pelo menos não venta.
O frio fica entre 4, 2, até 0, mas desde que não vente, uns agasalhos resolvem.

Amigos, aqui, não faltam.
No hostel que estou somos a maioria. E tome festa.
Temos um grande músico e compositor entre nós, e nem sabíamos (O Sonekka).
Além disso é um grande cozinheiro.
Ontem fez um risoto do mediterrâneo, fantástico de bom. E ficou 3 euros para cada. Pô, é até covardia. rsss

Ele quer fazer uma feijoada para o domingo. Vamos ver se rola.

Outro plano é passar o dia em Liverpool (terra dos Beatles), que fica a três horas de barco daqui. Será que vai rolar>>> Hummm aguardem os próximos posts.

Pra finalizar, meus amigos, vou deixando todos na paz.

Ontem assisti a uma missa (essa parte da Irlanda é católica), muito bonita.
E comprovei o que me disseram. A Santa Missa é idêntica em qualquer lugar do mundo (ou, pelo menos no Brasil e Irlanda). Excetuando, claro, as palavras do padre, o ritual, as palavras, a “sequência”, etc. tudo igual.

Aí, no final da missa, veio um jovem da pastoral me convidar para o terço das quartas-feiras, que acontece em outra igreja. Na hora lembrei de Lira-ra-ra-ra.

É isso amigos.

Obg por todos estarem acompanhando, pelos comments, recados no skype, MSN, etc. Estamos aí.

Fiquem com Deus!

R.M.

In God we trust!

6 comentários sobre “:: Primeira semana do curso de inglês em Dublin – SEDA

  1. Pingback: Feliz 2012+1–Retrospectiva Rolé pelo Mundo « Rolé pelo Mundo – Around the World

  2. E ae Romulo.

    Rapaz, na minha opinião, a última coisa que um brasileiro quer quando atravessa o oceano para aprender outro idioma é encontrar um professor brasileiro. Sem desmerecer ninguém, afinal, penso que o professor brasileiro, por saber das dificuldades que os alunos de outros países estão enfrentando para estar lá durante algumas semanas, acaba até ensinando melhor do que aquele professor nativo que tá “de saco cheio” de tanto brasileiro e chinês “invadindo” o país.
    Sei lá. Para ter aulas com brasileiros, é melhor fazer o curso por aqui mesmo, valorizando aqueles que se ferraram para obter uma certificação no exterior.

    Sobre o curso ser um “encaixe” numa turma regular também não achei legal. Não sei se todos os cursos vendidos aqui no Brasil são assim, mas acho que convém pesquisar bastante. Um casal de amigos acaba de voltar de Londres e odiaram o curso. Eles foram pela CI – central de intercâmbio. Aula em tempo integral. Só que a aula da tarde repetia a aula da manhã. E a qualidade…..

    Já minha professora fez cursos no Canadá e adorou.

    E a feijuca…. rolou ?!

  3. Ah, Rômulo! Sempre tive a impressão que o povo irlandês deveria ser muito simpático e hospitaleiro. Legal isso. Deu ainda mais vontade de conhecer. Sempre pensei em fazer um curso na Inglaterra (exatamente pelo sotaque, que eu adoro), mas agora, depois da sua experiência, vou cogitar Dublin, com certeza!
    Abraços.
    Micheline.

    • Ola Micheline, boa noite!

      Os Dublinistas sao extremamente acolhedores. Sao, como dizemos aqui, friendly people.
      Por varias vezes estavamos com o mapa aberto, no meio da rua, e sempre alguem parava oferecendo ajuda.
      Alem dos custos, mais barato que noutros paises da UE.

      Sao muito legais. Sempre sorrindo. Embora, as vezes, apressados.
      Mas para que a pressa? Cidade pequena, sem transito ou engarrafamentos?
      Pensamos, pensamos… chegamos a conclusao que eles correm tanto para nao morrer de frio. rssss

      Abracao! Se precisar de informacoes eh so avisar.

      R.M.

      In God we trust!

    • Grande Bruno Vera-ra-ra-ras…

      Acredita que estava respondendo seu comment ontem, ja estava virando era um post, quando a energia caiu? Putz! Entao vamos la, vou tentar lembrar.

      O ingles deles nao puxa para o britanico. Puxa para a lingua materna deles, o Irlandes, que vem do Gaules.
      Acredita que no aviao, a aeromoca foi avisar que iamos pousar, para apertar os cintos, etc, e o americano sentado ao lado perguntou o que ela falou? juro! Eh carregado.
      Mas isso so com os mais velhos.
      Nos mais novos ja nao eh tao forte. Mas existe.

      Fui, sim, ao castelo de Dublin, mas so sobrou a torre. O resto se foi em um incendio.
      Eh bonito, mas nao eh aquela impressao que temos de castelo. rsss

      Agopra tem historias interessantes sobre esse castelo, que aproveitarei para postar esse FDS.

      Hoje o dia estava agradavel, manha de sol, 7 graus… fomos para a praia.
      Mas isso eh outra historia.

      Abracao!

      R.M.

      In God we trust!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s