Capitulo 7 – Key West e o famoso carro da policia

Olá amados, saudações tupiniquins!

Já escrevo do Brasil e confesso que é muito bom voltar para casa.
Mas a viagem ainda não acabou, tenho muitos casos e causos além das fotos que tirei com a cam e que vou colocar aqui.

Então vamos ao que interessa:

Sobre Miami

Como falei antes, o trânsito de Miami não se compara ao de Orlando.

Na verdade nem poderia, são cidades diferentes, com propostas e tamanhos diferentes também. Em outras palavras, os cidadãos de Miami tem pressa; e muita. rssss

O limite da velocidade não é a preocupação e eu, que procuro andar no limite, me vejo sendo “empurrado” pelos carros de trás a fim de andar mais rápido.

Mesmo assim, criei coragem para dirigir de Miami até Key West, que a última das ilhas Key americanas, já no caribe.

Não é tão distante assim, o problema é o limite de velocidade que em alguns trechos chega a – pasmem – 25Mph que é 40kmh. A MÁXIMA!!! Não é o tempo todo, mas é um longo trecho dentro de uma cidade, o que é um “entendível’ mas de um cuidado que beira o absurdo, já que estamos falando de pistas duplicadas, mas… enfim, coisas dos americanos.

A paisagem no caminho é muito bonita, toda sobre pontes em cima de águas cristalinas, sendo acompanhado por pelicanos e albatrozes.

3:30h depois cheguei a Key West.

A primeira impressão que tive foi que Key West estava muito mais movimentada do que eu imaginava. Não é de longe um paraíso com coqueirais e praias desertas, não, muito pelo contrário.
Tem, sim, muito comércio, shoppings e hotéis que lotearam a praia as tornando “particulares”.

Além disso, tem sempre aqueles que querem explorar os turistas (sim, nos USA também tem) e sofri na pele quando fui procurar lugar para estacionar.

Na verdade não tem lugar na rua para estacionar sem pagar. As ruas tem os parquímetros, especialmente as mais movimentadas, mas os parquímetros cobram US$ 1,00 por hora, já os estacionamentos particulares, começam com US$ 15,00 e vão até as alturas. E se não pagar, vc pode ter o carro rebocado.
Na dúvida é melhor não arriscar, não é? É.
Eu não arrisquei mas também não encontrei lugar na rua para estacionar e tive que pagar US$ 26,00 para estacionar meio dia, o que é um absurdo para os padrões americanos.

Enfim, a ilha é turística, tem quem pague, fazer o que?

Mas sabe o que dá raiva? É que depois que passa horas e horas rodando, procurando vaga na rua sem sucesso e se rende ao estacionamento privado, você fecha o estacionamento e paga adiantado, coloca o pé na rua e vê que tinha uma vaga bem pertinho. É dose!

Fazer o que? Chorar? Bater perna, né?

E lá fui eu bater perna por Key West.

A ilha é histórica e vale a visita por vários motivos.

Tem a parte cultural que remete a própria história dos USA e de algumas celebridades, como a casa do famoso escritor Ernest Hemingway http://www.tripadvisor.com.br/Attraction_Review-g34345-d130377-Reviews-Ernest_Hemingway_Home_and_Museum-Key_West_Florida_Keys_Florida.html que morou muito tempo em Key West e hoje sua casa é um museu. Tem também a casa do Harry S Truman e por ai vai.
Como a história americana (desculpem) não me interessa tanto em uma viagem de meio dia, fui atrás de outras coisas.

Como em toda a ilha, a beleza está embaixo d’água, tanto que as ofertas de mergulho e passeios náuticos estão por todos os lados. Mas por “ofertas” entenda que são opções e não preços. Os preços são tão salgados quando a água. rssss.

Resolvi continuar caminhando, caminhando e caminhei, caminhei, até que cheguei no ponto mais ao Sul dos USA. Sim, cheguei o mais próximo de Cuba que se dá para chegar a pé.

Dizem que dá para ver Cuba de longe e pior que dá mesmo. Claro, uma massa de terra, não as cidades em si. Talvez a noite se veja as luzes, não sei.

Enfim, resumidamente, digo que Key West vale muito a visita, especialmente se for para dormir lá pois muitas atrações ocorrem depois do por do sol (que no verão é lá pelas 21h).

Como um dos trechos que peguei na ida tinha limite de velocidade máxima de 15mph a noite, devido a passagem de animais selvagens, eu quis sair antes do anoitecer, quando o limite ainda era 30mph.

E olhe que assim que virei a esquina para pegar a milha 0 da US-105(acho) vejo o trânsito parado e muita fumaça.
De repente vejo uma sra saindo do carro às pressas, telefonando.

Pois acredite se quiser, antes dessa sra. desligar eu vejo um carro da polícia virando a esquina. ANTES DELA DESLIGAR!!! Juro!!!

Ah, o carro dela estava pegando fogo. Daí tive que fazer o retorno e antes que eu terminasse a manobra, chegou um enorme caminhão de bombeiros.

Eu estou demorando mais para escrever do que o tempo que a coisa toda ocorreu.

Foram menos de 2m da ligação da mulher até a chegada do carro de bombeiros. Impressionante!!!

O carro dela não teve maiores danos. Quase não queimou. Não deu tempo.

Bom, mas sei que sinto pelo carro da sra, mas só assim para conseguir tirar a tão querida foto do carro de polícia americano.

Ainda fiquei triste pois em Miami vi aqueles carros pretões, só com as luzes da polícia na parte de dentro, parecendo carro civil, que parou um caminhão na avenida principal. Muito massa!! Tipo GTA mesmo!!!

Bom, na volta pra casa, como falei, muita gente passando do limite de velocidade (confesso que até eu tive vontade, é desesperador andar a 40kmh numa via que vc consegue ver o infinito), mas quando via a galera sendo parada pelos carros de polícia e fazendo aqueles testes de andar em cima da faixa, colocar o dedo no nariz, etc… kkk muito engraçado.

Enfim, demorei mais ainda, mas cheguei em casa, sã e salvo, mas também exausto.

Aí foi procurar um lugar para estacionar e acordar as 08h da manhã que é quando começa a cobrança do estacionamento.

Bom, seguem algumas fotos e prometo colocar mais.

Abs

R.M.

In God we trust!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s