De Mata Adentro – Trilhas: Rolé na Pedra da Boca

Vem chegando o verã☼/ um calor no coração… ♪ #SQN

♫ Vem chegando o verã☼/ um calor no coração... ♪ #SQN

Olá viajantes, olá outono!!!, estação mais charmosa do ano.

Eu não escondo de ninguém que prefiro campo à praia. Adoro o cheiro do mato, o “barulho” do gado, do galo, do entardecer e se pudesse com certeza seria onde eu moraria, então quando recebi o convite de participar de uma trilha na Pedra da Boca e ficar hospedado em uma pousada bem próxima das trilhas mas longe de som, carros, barulhos, topei na hora!

Hoje vou falar sobre uma pequena aventura de FDS que fizemos com a galera do “De Mata Adentro – Trilhas” para a Pedra da Boca, na divisa entre RN e PB.

DSC01392 (640x141)

Mas antes que me empolgue e comece a escrever e escrever, deixe-me introduzi-los ao local visitado.

https://rolepelomundo.wordpress.comA Pedra da Boca fica situada no Parque Estadual da Pedra da Boca, em Araruna – PB A denominação “Pedra da Boca” vem da existência de uma formação rochosa de aproximadamente 336 metros de altura, que tem uma fenda que lembra uma boca gigante, olhando a foto fica mais fácil de entender.

Apesar de ficar na Paraíba, a porta de entrada para o Parque da Pedra da Boca é o município de Passa e Fica, no RN, a 120km de Natal.

A Pedra da Boca é o principal atrativo mas tem muitas outras formas rochosas que favorecem trilhas a pé, escaladas, rapel e recentemente colocaram um balanço, enfim, agrada a todos.

No nosso caso as trilhas programadas eram bem light, nada que exigisse grau de instrução ou técnica apurada. Só mesmo uma boa câmera e um tênis Chove Chuvaconfortável. A trilha é de contemplação.

https://rolepelomundo.wordpress.comEram três as trilhas marcadas para o fim de semana, só que… começou a chover… e chover… e chover mais forte… mais forte… e pedra com água não dá certo. Então o jeito foi ficar na pousada esperando a chuva passar.
Chove Chuva/ Chove sem parar…

Chuva no sertão é tão bom; tudo fica tão verdinho, tão vivo, que não tem como ficar chateado com isso, pelo contrário. Já pensou? Frio no sertão, uma tapioca e um queijo de coalho assado no fogão a lenha? Huuuummm

Mas o sol deu uma palhinha e no dia seguinte já partimos para nossa trilha, só que não para a Pedra da Boca, que ainda estava muito molhada, mas para a Pedra do Lagarto, que fica bem próxima a área da pousada.

https://rolepelomundo.wordpress.com

https://rolepelomundo.wordpress.comhttps://rolepelomundo.wordpress.com

https://rolepelomundo.wordpress.comFogão a LenhaComidinha huuummm...

A trilha para a Pedra do Lagarto é grau 1 de dificuldade, mais fácil que tirar doce de criança, literalmente.😛 e é um ótimo local para apreciar o pôr do sol e também para tirar Helena, a pequena aventureiraumas ótimas fotos da região.

Carta de Vinhos

As demais trilhas foram prejudicadas pois o sol novamente foi se esconder, dizendo que este FDS era para as plantas e que voltássemos depois. A mãe natureza manda, nós obedecemos. Afinal, o parque está pertinho e é sempre uma desculpa para voltar e descansar.😉

Pousada Fulô da Pedra

Nesta viagem nos hospedamos pela primeira vez na Pousada Fulô da Pedra, uma pousada familiar que tem como proposta o desligamento e a integração total com o próximo e a natureza. Por isso esqueçam som alto, televisão e internet. A ideia é desconectar. Sinal de celular até tem, mas somente em algumas áreas da propriedade.

A simplicidade e o bom gosto imperam na pousada.

Segue o release da pousada: Rolé pelo Mundo

Rolé pelo Mundo

“Estamos voltados para pessoas que querem estar entre amigos e que veem no silencio também uma forma de preservação. A quietude e a paz são ingredientes necessários para interagirmos melhor com nós mesmo e a natureza em volta. Se você procura equilíbrio e um ambiente saudável seja muito bem vindo a nossa campeirinha da serra.”

A pousada tem várias opções de lazer para o hóspede, como trilhas guiadas e passeios com rapel (todos pagos a parte).

Rolé pelo MundoRolé pelo MundoAlém disso, a pousada conta com uma galeria onde são expostas exposições fotográficas de deixar qualquer um babando.

A pousada á administrada pela própria família com quem facilmente se passa 2 horas de prosa sem nem sentir. O Gil é um paraibano-brasileiro, fotógrafo documentarista apaixonado por cavalos e a sua esposa uma sueca radicada no Brasil, além dos filhos que são uma simpatia.

O Gil tem um projeto de resgate de cavalos que sofreram maus tratos ou foram abandonados à própria sorte e os recolhe para deixá-los livres na área da pousada. Como todo animal ferido, às vezes fica o receio e o medo do homem pelo animal, que não entende que será ajudado e para estes o Gil tem um sistema de “doma gentil” e algumas noites ele faz uma demonstração para os hóspedes. https://rolepelomundo.wordpress.com

https://rolepelomundo.wordpress.com

Vale salientar que os cavalos não são usados para trabalho nem montaria. Ficam soltos na área da propriedade, livres na medida do possível.

Gostou? Quer se hospedar? Segue o site: http://www.pedradaboca.com.br/

Então é isso galera. Desta vez não deu para fazer as trilhas, escaladas e rapel que eu queria, mas se você ficou curioso e quer o relato de quem os fez, segue um post legal que encontrei na internet, bem explicadinho sobre as trilhas da Pedra da Boca

http://www.riocaminhadas.com.br/pedradaboca/


Então é isso amigos, espero que tenham gostado.

Segue outras fotos do local que realmente vale a visita!

Crédito das fotos: Rômulo Murdock e membros do “De Mata Adentro!” exceto as fotos das fotos, que são dos expositores.

Até a próxima!

R.M.

In God we trust!

Post escrito ao som de Natiruts, Vanessa da Mata, acompanhado de um bom chá de erva doce.

Rolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo MundoRolé pelo Mundo

4 comentários sobre “De Mata Adentro – Trilhas: Rolé na Pedra da Boca

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s